Aqui vou escrever o que me vai na alma...
Quinta-feira, 31 de Maio de 2007
O bem e o mal

 

 

 

 

Mal ou bem

Bem ou mal,

Dictomia, afinal,

Intrincado problema,

O mais profundo dilema

De se saber decidir

Qual o caminho a seguir.

Há quem escolha o do mal,

Como fruto proibido

Ou para ele seja impelido

Por ironia do fado,

Ou por ser tão mal formado,

Ou ter sido corrompido.

Nem sempre a liberdade

De escolha, pela vontade,

É tota e absoluta,

Mas a vida dissoluta

Traz sempre tanta desgraça

Ao próprio que a si traça

E à vítima indefesa,

Que é facilmente a presa

Do ignóbil predador,

Que lhe causa tanta dor!

É bem cruel, a maldade

E desperta o rancor

De toda a sociedade.

Mas quem opta pelo bem,

A recompensa ele tem

De cumprir seu ideal

E de ter vencido o mal

E as suas tentações.


sinto-me:

publicado por blogando-me1 às 15:38
link do post | comentar | ver comentários (38) | favorito
|

Segunda-feira, 28 de Maio de 2007
Poema

 

 

 

 

 

 

Não chores,

amiga minha,

Não chores, não tenhas sofrimento,

Sou teu amigo,

amigo para tudo...

Não te "conheci" para sofrer

Sou teu amigo,

amigo para tudo...

 

 

 

 

Confia em mim,

creio que eu posso te dar o sol e as estrelas,

a lua e o mar,

Sou teu amigo

da terra, da água e do ar

Não chores...

 

 

 

 

Descansa,

Tenhas paz,

nada é impossível quando se acredita,

que se pode ser feliz,

acredita em quem te quer bem,

Sou o teu porto, tua base,

Não chores...

 

 

 

 

Amiga minha,

não sofras,

quero-te na rocha,

Entrega tua vida nas mãos

que te querem bem.

 

 

 

 

Amor maior é o amor de quem nos cria,

Não chores...

 

 

 

 

Agradecendo a todas as pessoas que me apoiaram, que me deram força e que me ofereceram um ombro amigo. Com a devida autorização do meu amigo Sonho, publiquei um poema que ele me dedicou. Obrigado a todos.



publicado por blogando-me1 às 21:30
link do post | comentar | ver comentários (22) | favorito
|

Quarta-feira, 23 de Maio de 2007
Desabafos I

 

DESABAFOS I

 

 

 

 É isso mesmo. Hoje é assim que me sinto. Não por nada que me tenham feito, mas por algo que se vem arrastando há um tempo e que eu fui deixando passar. Mas hoje, só para não pegar no tlm e dizer umas verdades que alguém não ia gostar nada de ouvir e porque furiosa demais já eu estou para fazer isso. Claro que alguém não vai gostar nada de ler o que vou publicar, mas estou pouco me lixando para o que essa pessoa possa ou não pensar. Tenho isso sim pedir desculpa a quem me lê, pois não é meu feitio fazer coisas deste tipo, mas como já disse hoje estou furiosa demais para me calar. Mas quemme conhece sabe como sou e o que tiver que dizer será dito, quer gostem ou não.

Se sou aquilo que sou hoje, devo simplesmente a minha mãe, que lutou por mim e ao meu avô, que Deus o tenha em descanso e a mim mesma que sempre lutei por aquilo que quis. Não é em vão que as pessoas que me rodeiam gostam de mim, por aquilo que sou, pelas metas que me propus e que graças a Deus consegui alcançar.

Agora virem com a conversa desagradavel que se sentem inferiores, pois num post que eu dediquei a minha mãe, não idolatrei a figura paterna. Como posso fazer isso, se nunca a tive? Tive sim, mas da parte do meu avô, esse sim, estava lá quando eu precisei, ele que me deu educação, que não deixou que nada me faltasse, que fez de mim aquilo que sou hoje. Agora tudo bem, que se queiram fazer os maiores, os ditos pais herois, que sofreram com a separação, que não fizeram mais porque não deixaram, ah porra, não me venham com essa, na altura era uma criança, não tinha noção de tudo o que se estava a passar, mas com o passar do tempo fui-me apercebendo das situações. Claro que as crianças sofrem sempre com a separação dos pais e no fundo acabam por as maiores vitimas de todo o processo.

Agora para mim chega, é hora de por uma pedra sobre o assunto. Se sobrevivi tantos anos sem pai, não será agora que me vai fazer falta. Por isso vou continuar a visitar a campa do meu avô, rezar por ele e o resto não quero saber mais nada, porque ele sim foi o meu verdadeiro pai.

Peço desculpa a quem me lê por este desabafo, mas tinha mesmo de ser feito, não podia calar tanta revolta que sinto cá dentro. Há um ditado que diz " uns são filhos de Deus, outros são filhos da p......." e acreditem que é verdade.

 



publicado por blogando-me1 às 16:11
link do post | comentar | ver comentários (17) | favorito
|

Segunda-feira, 21 de Maio de 2007
...

 

 

 

Acaba de nascer uma luz,

Uma luz de novos planos,

De novos momentos,

Essa luz está cheia de encantos,

Cheia de magias,

Cheia de vida,

Esta luz é fruto de dois corações,

É o mais novo ser do mundo,

Um ser lindo,

Tão pequenino...

Anjinho...

Que veio para ensinar o que é o amor,

Anjinho...

Que veio para amar e ser amado,

Anjinho cheio de glória,

Cheio de benção,

A partir de agora esse

Anjinho vai aprender como sabe,

Viver no amor,

Aprender como sabe,

Os passos para chegar até a felicidade,

Seja bem vinda essa luz que acaba de nascer,

E aos guardiões dessa luz,

Eu desejo

"Parabéns pelo bebé"

 

 

 

 

 

 


sinto-me:

publicado por blogando-me1 às 15:39
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|

Terça-feira, 15 de Maio de 2007
Desafio

 

 

 

 

 

 

Voltando de novo aos desafios, cá estou eu para responder a um proposto pela minha amiga cintilante.

 

 

 

Se eu fosse....

uma hora do dia, seria... especialmente as da noite

um astro, seria.... sol

uma direcção, seria... sul

um móvel, seria... um sofá

um liquido, seria... água

um pecado, seria... hummmm... não digo

uma pedra, seria... rubi

uma árvore, seria...uma macieira

uma fruta, seria... pessêgo

uma flor, seria... flor do campo

um clima, seria... tropical

um instrumento musical, seria... saxofone

um elemento, seria... água

uma cor, seria... vermelho

um animal, seria... uma águia

um som, seria... vento

uma música, seria... muito calma

estilo musical, seria... depende do estado de espirito

um sentimento, seria... amor

um livro, seria... "o código da vinci"

uma comida, seria... feijoada à transmontana

um lugar, seria...o campo

um gosto, seria... agridoce

um cheiro, seria... maresia

uma palavra, seria... tolerância

um verbo, seria... amar

um objecto, seria... um candeeiro

uma peça de roupa, seria... lingerie

uma parte do corpo, seria... todo ele

uma expressão facial, seria... olhar triste

personagem de desenho animado, seria... Heidi

um filme, seria... "o código da vinci"

uma forma, seria... um quadrado

um número, seria... 6

uma estação, seria... verão

uma frase, seria..."vive cada momento intensamente"

Bom espero que tenham ficado a conhecer-me mais um pouco.

E agora vou nomear mais duas pessoas, uma delas vocês não conhecem, mas fica aqui um convite para visitarem o blog dela.

www.c_cristal.blogs.sapo.pt

www.brindar.blogs.sapo.pt


sinto-me:

publicado por blogando-me1 às 15:58
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Sexta-feira, 11 de Maio de 2007
Amizade

 

 

 

 

 

 

 

Já em tempos publiquei algo sobre a amizade. Hoje vou faze-lo novamente, mas desta vez com um breve poema. Não vou citar nomes, mas as pessoas sabem quem são. Este post, era para ter sido para a reabertura do blog, mas decidi só faze-lo agora.

 

 

 

Porque vocês lá estão quando todos os outros estão

Porque vocês lá estão quando mais ninguém está

Porque vocês sabem o que mais ninguém sabe

Porque são vocês e vocês estão sempre lá.

Porque me ajudaram quando mais ninguém o fez

Porque me mostraram pelo que vale a pena lutar

Porque me mostraram a diferença e mais que uma vez

Porque me fizeram ver, porque me fizeram pensar.

Porque confiam em mim sem eu saber porque

Porque arranjam sempre alguma coisa que eu possa fazer

porque me aceitam mesmo como sou

Porque percebem sempre o que esta por dizer.

porque há palavras que fazem muita diferença

Porque sei que estão comigo esteja eu bem ou mal

Porque não se importam com o que os outros dizem

Porque são únicas, são especiais.

Porque são o que são e com vocês sou o que sou

Não interessa o que os outros dizem

Sei que que podemos contar umas com as outras

Aconteça o que acontecer.



publicado por blogando-me1 às 12:00
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
|

Quinta-feira, 10 de Maio de 2007
A minha cidade

Tal como tinha prometido a uma amiga aqui vão umas fotos da minha cidade. Estas fotos foram retiradas do blog (com o devido consentimento) do Dinis Ponteira.

 

 

Esta é dedicada a todas as pessoas que visitam o meu blog

 

 

 

 

 

 

 

A Ponte Romana

 

 

 

 

Outra imagem da Ponte

 

 

 

 

As famosas Termas de Chaves

 

 

 

 

Uma vista do Jardim Público

 

 

 

 

Um dos jardins do Castelo

 

 

 

 

Entrada principal do Forte S. Francisco Hotel

 

 

 

 

Outra entrada do hotel

 

 

 

 

Jardim em redor do hotel

 

 

 

 

Uma das famosas ruas da cidade

 

 

 

 

 

Vista parcial da cidade

 

 

 

Bom, esta é uma pequena amostra da minha cidade, para quem ainda não conhece. Um dia destes vou selecionar mais umas quantas para publicar.



publicado por blogando-me1 às 15:31
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|

Quarta-feira, 9 de Maio de 2007
Desafio

 

 

 

 

 

 

 

Bom, em resposta ao sonho, a virginiana, a olha-por-mim e a cintilante (penso que são só estes) e aceitando o desafio proposto, eu vou publicar aquilo que "eles" querem saber de mim.

 

Eu quero - continuar a ser como sou.

Eu tenho - A sorte de ter 2 filhos maravilhosos e amigos (as) espectaculares.

Eu acho - Que tenho o coração junto a boca, digo o que penso no momento.

Eu odeio - que tentem fazer de mim parva, quando eu sei a verdade das coisas.

Eu sinto saudades - Daqueles que já partiram, especialmente os meus avôs.

Eu escuto - A opinião da minha tia em muitas coisas.

Eu cheiro - Everyone - Calvin Klein

Eu imploro - Por paz no mundo.

Eu procuro - Ficar quieta no meu canto sempre que é necessário.

Eu arrependo-me - o que não fiz e tive vontade de fazer, mas também de algumas que fiz sem pensar.

Eu amo - Os meus filhos e a vida.

Eu sinto dor - Quando não me entendem.

Eu sinto falta - De férias.

Eu importo-me - Com quem passa necessidade.

Eu sempre - Digo aquilo que penso (as vezes as pessoas entendem mal).

Eu não fico - Muito tempo parada no mesmo sitio (deve ser por isso que não engordo).

Eu acredito - Em Deus.

Eu danço - Adoro dançar.

Eu canto - Muito mal

Eu choro - Facilmente, por tudo e por nada.

Eu falho - Algumas vezes, sou humana.... ninguém é perfeito.

Eu luto - Por muitas coisas.

Eu escrevo - Quando me apetece, aquilo que me apetece, o que me vai na alma.

Eu ganho - Não me posso queixar, afinal hà quem ainda esteja pior.

Eu perco - A vontade de entender certas pessoas, gente complicada, xiça.....

Eu confundo-me - Com a desonestidade das pessoas, levam-me a acreditar que são as melhores do mundo e no fundo........ bem adiante

Eu estou - Super feliz da vida

Eu fico feliz quando - Noto que ainda hà pessoas especiais de quem ainda vale a pena ser amiga.

Eu preciso - De toda a gente e de ninguém.

Eu deveria - Ora bem e agora é que são elas. Deveria ir de férias, deveria não acreditar em tudo o que dizem, deveria tentar não olhar para trás, deveria preservar os bons amigos que tenho e deveria sair-me o euromilhões .

 

 

Espero que as pessoas que me desafiaram tenham ficado a saber um pouco mais de mim.

E que não as tenha desiludido.


sinto-me:

publicado por blogando-me1 às 15:20
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|

Sábado, 5 de Maio de 2007
Dia da mãe

Dia da Mãe

6 de Maio

Mãe deste-me o bem mais precioso

A vida

Esperaste-me com tanto carinho

Ensinaste-me os primeiros passos

As primeiras palavras.

As lembranças mais antigas que tenho de ti,

São a tua mão segurando a minha para me dar protecção.

A tua  voz doce, cantando cantigas de dormir,

fazendo-me dormir e sonhar.

Um sono sereno, tranquilo,

Sabendo que estarias ali para me proteger.

Tu que lutas-te, sorris-te, choras-te.

Mas não deixas-te a amargura tomar conta do teu coração.

Ensinaste-me  ser mulher,

mas continuar com os meus sonhos de criança.

A ser forte, sem ser amarga.

Abrir meus caminhos,

Tomando sempre cuidado com as plantinhas em redor.

Contigo aprendi a ser "gente" que respeita "gente".

Aprendi a ter fé, aprendi a aceitar os defeitos das pessoas.

Aprendi que o amor tem que ser incondicional.

Minhas melhores lembranças

são as que tenho de ti todos os dias...

no amor que sinto em tudo o que tu fazes.

No brilho do teu olhar

Mãe........

Que Deus te proteja sempre,

te ilumine, te dê forças para continuares a tua batalha

e que eu possa sempre sentir e ter esse amor maior

em todos os momentos da minha vida.

Adoro-te Mãe



publicado por blogando-me1 às 19:42
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31



Search Video Codes
posts recentes

Em busca da paz......

...

Desistir ou não...... eis...

A vida continua....

...

Mudança......

Parabéns Pedro

Feliz 2013

Feliz Natal

Parabéns Claudia


Contador site
online
arquivos

Janeiro 2014

Outubro 2013

Junho 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

mais comentados
57 comentários
54 comentários
53 comentários
51 comentários
51 comentários
51 comentários
51 comentários
49 comentários
tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds