Aqui vou escrever o que me vai na alma...
Terça-feira, 28 de Novembro de 2006
A AMIZADE

A AMIZADE

Amizade - do latim "amicitãte"

Conceito de amizade - afeição por uma pessoa; estima; simpatia; camaradagem; companheirismo; cumplicidade; entendimento; compreensao; dedicação; bondade; pessoa amiga.

Hoje em dia fala-se muito na amizade, mas será que alguém sabe o que é realmente a amizade?

Eu costumo dizer que não tenho amigos, mas sim conhecidos, porque amigos verdadeiros são muito poucos, talvez se contem pelos dedos de 1 mão.

Porque para mim a amizade é uma coisa muito especial. É sabermos que temos ali aquela pessoa para quando necessitamos, de chorar, de rir, de fazer confidencias, de contarmos um  dia feliz ou um dia triste e sabermos que essa pessoa nos vai ouvir e vai calar, guardar o nosso segredo tão bem guardado, como se estivesse no cofre de um banco e a chave no fundo do oceano.

Não sou melhor nem pior que os outros, sei guardar um segredo e prezar uma amizade. Já tenho tido alguns dissabores à conta disso, mas aguento firme.

Agora quando as pessoas vêm com falinhas mansas tipo somos amigos podes falar, etc, já não caio nessa, abri a "pestana" e quando não posso falar, prefiro guardar para mim. Pelo menos sei que fica guardado.

Fiz algumas amizades no chat, não vou citar nomes para não ferir susceptibilidades, as pessoas sabem quem são e não preciso dizer mais nada.

Mas  para terminar e em jeito de desafio, para quem visita o meu blog, digam-me lá o vosso conceito de amizade?

Será que são capazes de expressar os vossos sentimentos?

Fico a vossa espera

 


sinto-me:

publicado por blogando-me1 às 17:04
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|

Sexta-feira, 24 de Novembro de 2006
Para ti amigo

Há uns dias que não vinha por aqui, não por não ter que dizer, mas outrsa coisas para fazer.

E hoje achei que devia dedicar estas minhas palavras a um grande amigo, por isso lhe pedi autorização para escrever um dos poemas que ele me enviou. Não só porque adorei mas porque me identifiquei com o que está escrito lá.

Por isso Mané, esta vai inteirinha para ti.

 

"Se tu não existisses"

 

Se tu não existisses

Se eu não te conhecesse

Se não me apaixonasse, cada vez mais por ti

Se eu não adormecesse e acordasse sempre a pensar em ti

Não te telefonava, não te pedia desculpa

Se tu não existisses

Se tu não me faltasses

Não me stressava assim, para poder estar contigo

Não te esperava sempre na ansiedade que não venhas

Não era um só momento, uma vida sem ti

 

Mas tu existes, estás aqui, mesmo quando aqui não estás

Onde eu estou, tu também estás, porque os dois somos um só

E se existes, estas aqui e sem mim tu nunca vais

Tu és sempre tu, és o nunca e é sempre como que queres tu

 

Se tu não existisses e talvez eu também não

E se Deus te inventasse, inventasse a mim também

Se tu não existisses eu voltava sempre cedo para casa

E não ficava ali colado à televisão

 

Mas tu existes, estás aqui, mesmo quando aqui não estás

Onde eu estou tu também estás, porque os dois somos um só

E se esxistes, estás aqui e sem mim tu nunca vais

Tu és sempre tu, és o nunca e é sempre que que queres tu.

 

Mané

E depois disto que mais posso dizer........

 


sinto-me:

publicado por blogando-me1 às 16:08
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

Segunda-feira, 20 de Novembro de 2006
PRA TI MÃE

Hoje estou feliz, não perguntem que não vou responder.

E como não podia deixar de ser vou falar da grande mulher que me deu a vida 2 vezes, por isso vou começar com uma frase de uma música que eu acho mais que adequada.

"MAMA THANKYOU FOR WHO I AM"

"A minha mãe"

Sim, ela que foi uma grande mulher e que nao foi fácil naquela altura ficar com 2 crianças pequenas para criar. Mas levantou cabeça e seguiu em frente e nunca deixou que nada faltasse às meninas. Claro que tudo isto com o apoio da familia. Nem quando eu, por volta dos 10/11 anos fiquei doente e toda a gente pensava que ia morrer, ela baixou os braços. Lutou sempre por mim e deu o que tinha e o que não tinha para eu me curar. Muitas vezes vi no rosto dela o desanimo, mas eu sabia que não me ia falhar e hoje cá estou eu para o contar. E perguntam vocês, então e o pai, esse simplesmente nunca quis saber de nada. Mas também nem merece que eu gaste o meu latim com ele.

Por vezes sei que fui egoista, queria-a só para mim, era a menina da mamã e era insuportavel para mim ter que a partilhar, por isso mesmo não aceitei muito bem, quando ela hà uns tempos atras arranjou companheiro.

Mas agora pensando bem, quem sou eu para decidir a vida dela?

Ou ela não tem o direito de ser feliz?

Se as filhas estavam arrumadas ela não podia refazer a vida dela?

Claro que sim. O meu egoismo era tanto que tivemos várias zangas. Mas quando o meu filho nasceu, quem é que esteve lá a mimar-me? Ela.

Quando fui operada quem estava lá a minha espera na sala de reanimação? Ela. E sei que passou um mau bocado.

Por isso mãe, peço desculpa pelos maus bocados que te fiz passar, eu sei que ês feliz a tua maneira.

Sei que sofres por causa dos meus problemas e muitas vezes dizes que vou a tua casa poucas vezes e só moramos a 2 minutos uma da outra, é para não veres a minha cara de tristeza e para não te preocupar mais.

Eu sei que o teu desejo era veres-me feliz, mas quem sabe isso um dia não vai acontecer. Mas quando esse dia chegar tu vais notar na minha cara.

Por isso mãe, estas palavras vão para ti e para te agradecer o teres-me dado a vida por 2 vezes e teres feito de mim aquilo que eu sou hoje, são coisas que não se esquecem.

Nem todas as broncas que me destes me farão esquecer que foste uma grande mulher e que lutas-te por mim e pela minha irmã. Haveria muitas outras coisas eu poderia dizer, mas o mais importante esta nestas linhas.

Obrigado por tudo mãe

 



publicado por blogando-me1 às 15:17
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|

Quinta-feira, 16 de Novembro de 2006
A MINHA TIA

Hoje tou virada para a familia.

Por isso há uma pessoa que merece esta homenagem.

 

"A minha tia"

Bem, ela é uma das pessoas mais importantes da minha vida. Acompanhou o meu crescimento, a minha adolescencia e a minha fase adulta. Mas espero ter a companhia dela por muitos mais anos.

Ela foi a pessoa que sempre esteve lá quando eu precisei de uma palavra de carinho, de um conselho e de um colinho para chorar e que soube dizer as palavras certas na altura certa. Levei na cabeça por certas asneiras que cometi, mas hoje sei que foi tudo para o meu bem.

Ela estava lá quando eu fui apanhada no wc a fumar e levei uma valente bofetada, ela explicou-me os maleficíos do tabaco e as suas consequencias.

Vivi os melhores momentos da minha infância com ela, quando ia de férias a casa ficava tão vazia. Mas como era bom o regresso. E aquela sopinha que ela fazia e eu estava sempre a espera de ser convidada para a comer? Hummmm, ainda hoje me lembro do cheiro.

Eu sei que ela passou um mau bocado com o meu tio, era um grande sacana, mas ela esteve sempre lá, firme e hirta e aguentou tudo. Tem o seu mau génio, lá isso tem, não fosse ela espanhola, mas é uma grande pessoa.

As vezes, a vontade que eu tenho de ir lá a casa, chorar no ombro dela e desabafar, mas eu sei que ela também tem muitas dores de cabeça, ou é o Néné que esta com problemas e que apesar de ser um adulto, as vezes ainda consegue ser pior que uma criança, ou é o Rolando, mais os netos, enfim, sobra sempre pra ela.

Mas quero com isto fazer uma homenagem à minha tia , por ter sido sempre tão amiga e o mais importante saber ouvir quando eu precisei. Quando era garota e ela me ralhava eu pensava "à galega de um raio", mas hoje olho para trás e penso que bom que era poder regressar aqueles velhos tempos e ter um colinho para chorar.

Quero que ela saiba que aconteça o que acontecer ela sempre vai ser a minha tia preferida (ai se as outras sabem), e que sempre vai estar no meu coração.

Um grande beijo do tamanho do mundo à minha tia, essa grande mulher que dá pelo bonito nome de Fé Carmelina.



publicado por blogando-me1 às 15:27
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Quarta-feira, 15 de Novembro de 2006
MARAVILHOSA LUZ

Hoje sim vou falar do amor e daquilo que escrevo.

"Maravilhosa luz"

O dia esta frio, escuro

O vento sopra sem parar

As folhas voam sem opção

A chuva molha sem hesitar

Arrefecendo-me o coraçao!

Cada gota que bate no meu peito

É cada sofrimento que me destroi

Meu pensamento já não aguenta

Tanto frio, tanta escuridão...

Meu coração está a tornar-se

Um bloco de gelo sem explicação!!

As árvores abanam

Meu corpo treme sem parar...

O céu fica ainda mais escuro,

A chuva cai ainda mais depressa...

Minhas pernas já não aguentam

Já só consigo alcançar o chão!

Caio sem hesitação, sem opção!

Até que... aparece uma luz...

Aparece uma mão!

Aparece um raio de amor, de paixão!

Meu coração aquece...

Oh maravilhosa luz, que apareces-te!

Oh maravilhoso sol,

Que me aqueces-te!

Oh maravilhosa vida,

Que me abraças-te!

Oh maravilhoso tu, que me agarras-te!

Agradeço-te pela mão que me deste

Por cada raio de sol que me ofereces-te

Por cada palavra de conforto

Que me disses-te

Por cada carinho que me fizes-te...

Agradeço-te do fundo do coração...

Fizeste-me acreditar na vida

No verdadeiro amor...

Fizeste-me creer

Que nem tudo é tristeza

Nem tudo é agonia!

É preciso viver...

É preciso lutar...

É preciso acreditar...

E de continuar a perceber

Que o meu coração viva para te amar!

E mais nada vou dizer por hoje, fiquem bem e até amanha.

 

 

 


sinto-me:

publicado por blogando-me1 às 15:27
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Ti Andreia.......

 

 

Bem, era suposto eu começar com o amor. Mas sinceramente não me apetece muito, por causa de uma situação que aconteceu hoje.

Este pequeno texto vai para ti Andreia Vanessa.

"Nem sei por onde começar, sei que tudo aquilo que te possa dizer, não vai atenuar a tua dor.

A dor de perder uma mãe, nao tem explicação. Nem sequer consigo imaginar a tua dor.

E como fui tão parva que não dei conta da tua tristeza. Ainda hoje de manhã quando vieste ter

comigo, eu estava tão feliz que nem me apercebi da dor nos teus olhos. E quando me disseram

"a mãe da Vanessa morreu", nunca imaginei que eras tu Andreia. Só quando te vi percebi e

caiu-me o mundo em cima. Como não me apercebi que estavas a precisar de um carinho,

de uma palavra de conforto, de um abraço bem apertado, afinal também sou  mãe.

Vou tentar arranjar coragem para amanhã poder estar a tua beira e dar-te aquele abraço,

bem apertado que tu estas a precisar. Sabes Andreia, porque a vida é tão cruel e te deixou sem

mãe aos 15 anos? Era suposto a tua mãe acompanhar o teu crescimento e as tuas proezas

na tua vida de estudante, mas a maldita doença não deixou.

Só quero que saibas uma coisa minha querida, eu vou estar sempre no mesmo sitío e quando

tu regressares vamos ter uma conversa e vou-te dar todos os miminhos que tu necessitares.

Devo-te isso minha querida.

Um grande beijo cheio de carinho"

Bem já entenderam a minha dor e hoje não estou para grandes coisas.

 

 



publicado por blogando-me1 às 10:15
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Terça-feira, 14 de Novembro de 2006
Olà Ppl.....

Olá,

a partir de hoje por aqui vao passar todas as minhas emoções.

Espero nao ser chata e que nao deixem de me visitar.

 



publicado por blogando-me1 às 15:33
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|

Segunda-feira, 13 de Novembro de 2006
Bem vindos.....



publicado por blogando-me1 às 16:48
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31



Search Video Codes
posts recentes

Em busca da paz......

...

Desistir ou não...... eis...

A vida continua....

...

Mudança......

Parabéns Pedro

Feliz 2013

Feliz Natal

Parabéns Claudia


Contador site
online
arquivos

Janeiro 2014

Outubro 2013

Junho 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

mais comentados
57 comentários
54 comentários
53 comentários
51 comentários
51 comentários
51 comentários
51 comentários
49 comentários
tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds