Aqui vou escrever o que me vai na alma...
Quinta-feira, 15 de Julho de 2010
Porque?

 

A L. é uma menina de 4 anos que até seis meses atrás, era uma criança como outra qualquer. Viva, cheia de energia, brincalhona, um doce de menina.

Umas frequentes dores de cabeça e de barriga, levaram-na várias vezes ao hospital sempre com o mesmo diagnóstico, não é nada. Até que por insistência dos pais, lhe foi realizado um TAC. Foi encaminhada de urgência para o IPO. Tumor no cerébro e mais tarde diagnosticado outro na barriga. Entretanto passaram 6 meses, a L. fez quimioterapia, radioterapia, foram feitos tratamentos inovadores, mas infelizmente para a L. nada resultou. Os médicos fizeram o humanamente possível, mas esgotaram-se todas as chances de a L. crescer feliz e saudável. Dói-me.... dói-me porque sou mãe, dói-me porque a L é uma criança e tinha a vida toda pela frente, dói-me prque nem sequer consigo imaginar a dor daqueles pais, do irmão de toda a familia. Vi a L. logo no inicio dos tratamentos. Ontem em conversa com um primo meu e tio da L. vi as lágrimas nos olhos dele, a fala embargada pela emoção e a dor de ter que dizer " vai ser melhor assim, ela esta a sofrer".

Porque???? Porque meu Deus.... é uma criança. Não consigo entender. Não me cabe na cabeça que uns pais tenham de ver um filho partir. É uma dor que não tem explicação.

Hoje é esta a minha dor, a dor de mãe que sou e amiga dos pais da L. porque no fundo a L. faz parte da minha familia. Coragem para falar com os pais???? Não, ainda não tive, queria muito poder estar à beira deles e dar-lhe uma palavra de conforto, de carinho. Um abraço. Faze-los sentir que a dor deles é a minha dor. Vou tentar ser forte e pelo menos dar-lhe um telefonema e eles sentirem que eu estou aqui.

 

Depois quando ainda temos pessoas que nos enxovalham, que nos fazem sentir a mais rele das pessoas ainda custa mais. Mas eu sempre ouvi dizer que "Deus escreve direito por linhas tortas". Mas enfim, a vida é mesmo assim, uns partem outros ficam malucos.

 

L. vou rezar por ti, resta-nos esperar que um anjo desça à terra e te leve para um sitio onde o teu sofrimento acabe. Rezarei sempre por ti.

 



publicado por blogando-me1 às 13:22
link do post | comentar | favorito
|

10 comentários:
De mamaepedro a 15 de Julho de 2010 às 15:59
Deve ser a dor mais atroz existente, isto não devia acontecer, não é assim o ciclo da vida... muita força aos pais e que pelo menos a L. vá para um sitio melhor...

Beijinhos


De FatimaSoares a 15 de Julho de 2010 às 16:36
Olá Nanda! Até fiquei com um nó na garganta meu Deus! não há palavras não há nada que possa fazer justiça quando se trata ainda por cima de uma criança. Meu Deus eu também vou rezar...não sei que dizer mais. um beijinho para ti e os teus filhos. Deus nos proteja a todos.


De FatimaSoares a 15 de Julho de 2010 às 16:58
Nanda peço muita desculpa e não me leves a mal sabes e deves saber que o faço de coração, não por falsas intenções. Chocou-me tanto que já me fartei de chorar e achei ser meu dever fazer um post ao mesmo tempo que uma prece. Pudesse fazer mais e faria minha amiga. Estou contigo neste momento de dor e com todos da família. Para ela essa menina que Deus a tome em seus braços e lhe dê o amor que lhe deve ser dado já que a vida lhe é tão madrasra. Um beijinho e desculpa a sério fiquei mesmo muito tocada e abalada. Um bj para ti e os teus filhos. Desculpa.


De MIGUXA a 16 de Julho de 2010 às 19:25
Nanda,

Minha querida,
Custa entender o porquê de tanto sofrimento para uma criança, um anjo na terra que merecia tudo de bom.

Estou com um nó na garganta, também sou mãe e não imagino a dor dos pais.
Que Deus lhes alivie a dor!

Beijinhos para ti e teus anjos
Margarida


De Gusty a 17 de Julho de 2010 às 13:50
Pois ja estou a perceber... eu tb tenho uma situação identica... mais palavras para quê???
Nem sequer tenho palavras esgotaram-se.
Deixei de dizer e pensar, e se?.....
Bjs
Gusty


De FatimaSoares a 17 de Julho de 2010 às 22:54
Olá amiga venho deixar-te um beijinho e dar-te um abraço muito, muito apertado. Fica dentro do possível bem com os teus filhos. Bjs com amizade.


De MIGUXA a 18 de Julho de 2010 às 21:04
Olá,

Tenho uma surpresa para ti, no meu espaço "Prémios, Lembranças & Outras Coisas que Tais".

Espero gostes
Beijo
Margarida


De Rafaela a 21 de Julho de 2010 às 10:40
Que a Lorena descanse em Paz... é muito triste!! Perda de um filho deve ser uma dor irreparável!! :((((

um beijo!


De Ana Vilaça a 22 de Julho de 2010 às 00:01
Descansa em paz Lorena! Continuarás a brilhar...


De Ticha a 29 de Julho de 2010 às 10:03
Bem... posso dizer que me arrepiei e me vieram as lagrimas aos olhos quando li isto.
Ainda nós nos queixamos da nossa vida... Lamentamo-nos muitas vezes, e sem razoes para isso. É tao injusto isto acontecer a uma criança com a vida toda pela frente ... Não aceito que estas coisas acontecam... E porque é que as coisas mas tem sempre que acontecer as pessoas boas?! Que maldade tem uma criança? O que é que esta criança fez de tao mal para merecer um castigo destes????
Não entendo, não aceito e não acredito...
Não sou mae e ainda sou muito nova, mas percebo perfeitamente a dor destes pais e das pessoas que gostavam desta menina... É injusto o que aconteceu... Uma das coisas que gostava de fazer era voluntariado na pediatria de um hospital, mas não o faço por muitas raZoes. Acho que devemos ter a coragem de olhar para aquelas crianças e ter a força de sorrir com elas e faze-las esquecer por momentos a doença delas... mas nao tenho essa força nem essa coragem. Acho que so de olhar para elas iria chorar e entristecer por ver aquelas injustiças. Não por pena, porque ninguem precisa da nossa pena, mas porque é completamente injusto uma criança passar por coisas menos boas na infancia... Uma criança deve andar descalça na rua a correr e a brincar, fazer disparates, magoar um joelho porque quis subir a uma arvore... Nao estar fechada num hospital e fazer tratamentos que as fazem sentir mal... Até mesmo um adulto... Acho que ninguem merece passar por isto que esta criança passou... Uma das coisas que quero muito um dia é ser mãe... cada vez que veijo um bebe delicio-me toda so de olhar... Ainda ontem estava num centro comercial e estava um acriança com a volta de 1 ano, e não tirava os olhos de mim e da colega que estava comigo... passado um pouco quis vir para o meu colo... Soube-me tao bem aquele momento... Mas com estas coisas penso: e se um dia isto me acontece a mim, aos meus filhos? sera que vou ter força para aguentar? A mesma força e coragem que me faltam agora para estar junto de quem precisa...
:'(


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31



Search Video Codes
posts recentes

Em busca da paz......

...

Desistir ou não...... eis...

A vida continua....

...

Mudança......

Parabéns Pedro

Feliz 2013

Feliz Natal

Parabéns Claudia


Contador site
online
arquivos

Janeiro 2014

Outubro 2013

Junho 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

mais comentados
57 comentários
54 comentários
53 comentários
51 comentários
51 comentários
51 comentários
51 comentários
49 comentários
tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds